1- QUANTO MAIS EXERCÍCIOS DE FORTALECIMENTO, MELHOR!
Força é somente uma das funções dessa musculatura. O excesso de exercícios pode ser prejudicial se a mulher não conseguir relaxar adequadamente a musculatura após a contração. Essa dificuldade de relaxar pode tornar a musculatura tensa, hipertônica e, a longo prazo, favorecer dores ou desconfortos na relação sexual, dificuldade de relaxar o períneo durante a micção ou mesmo infecções urinárias por mau esvaziamento da bexiga. Então, nada de sair fortalecendo em excesso e sem orientação adequada!

2- CONTRAIR O PERÍNEO DURANTE A MICÇÃO É ÓTIMO PARA FORTALECER A MUSCULATURA
Nós ainda recebemos pacientes que relatam que receberam essa orientação até mesmo de algum profissional de saúde. No entanto, durante a micção, a musculatura do períneo tem que relaxar para a uretra abrir. Se a contraímos, a uretra fecha e a urina vai ter dificuldade para sair. Então, fazer contrações de períneo de forma rotineira neste momento não é recomendável e pode favorecer inclusive infecções urinárias.

3- QUEM TEM INCONTINÊNCIA URINÁRIA, TEM PERÍNEO FRACO
Esse é um grande mito e inclusive dificulta o relato das mulheres acerca do problema. Só que a incontinência urinária (IU) não acontece somente por fraqueza muscular. Claro que a fraqueza pode também ser um fator associado, mas aqui temos dois pontos importantes a considerar. O primeiro é que a IU pode acontecer em uma mulher com músculos fortes por outros fatores não musculares, como por exemplo, maus hábitos urinários ou disfunção hormonal . O segundo é que, muitas vezes, a mulher pode ter músculos fortes, que têm uma boa capacidade de gerar pressão na contração, mas que não são recrutados de forma correta no momento da perda urinária. Nesse caso, ela tem força, mas não tem controle ou coordenação muscular. E isso precisará ser trabalhado.

Portanto, como vocês podem ver, não é só a força que importa no períneo. Uma musculatura funcional tem que ter bom controle, coordenação, força, resistência e tônus. Então a principal dica é: procurem ajuda especializada para aprenderem a cuidar do períneo de vocês!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *